ATIVIDADES ESPORTIVAS AUXILIAM EM TRATAMENTO DE PACIENTES DO CAPS AD

A atividade esportiva como medida ressocializadora tem sido colocada em prática pela coordenação do Centro de Atenção Psicossocial (CAPS AD). Além de ter acesso à assistência médica, os pacientes do centro também participam de ações diversas, como oficinas terapêuticas e atividades esportivas adaptadas que contribuem para complementar o processo de recuperação.

O coordenador da unidade, José Messias dos Santos, informa que cerca de 50 pacientes são assistidos pelo centro e que os atendimentos são realizados de segunda a sexta-feira, para pacientes em tratamento intensivo, e três vezes por semana para pacientes em recuperação semi-intensiva. Segundo José Messias, as modalidades como capoeira, futebol, futevôlei, handebol, futebol de salão entre outras auxiliam no tratamento dos pacientes cadastrados no programa de recuperação de usuários de álcool e drogas em Itabuna.

A proposta de aliar esporte com tratamento médico visa tornar o atendimento na unidade mais humanizado. Um dos monitores do projeto, o técnico de enfermagem do centro, José Luiz Batista comenta que todas as segundas e quartas-feiras o centro promove um jogo de futebol na Praça São Sebastião, no bairro de Fátima. Já nas terças e quintas-feiras, são ministradas aulas de capoeira na própria unidade do Caps AD. 

Entusiasta do projeto, José Luiz relata que é possível observar uma importante evolução no tratamento dos pacientes que participam das atividades. O coordenador José Messias destaca que haverá uma ampliação das atividades com a incorporação de mais modalidades esportivas a partir da utilização da Vila Olímpica. Para Messias, “tudo isso irá melhorar o serviço prestado pelo centro auxiliando a recuperação dos pacientes assistidos na unidade”.

Nenhum comentário: