SECRETARIA DE EDUCAÇÃO DE ITABUNA REALIZA CURSO SOBRE GESTÃO DE RECURSOS ESCOLARES

A Secretaria da Educação de Itabuna tem atuado de maneira constante visando qualificar diretores, coordenadores, professores e profissionais que atuam na gestão das escolas do município. Na manhã desta sexta-feira (14), teve início o segundo módulo de Formação pela Escola, que é mais uma dessas atividades que têm o propósito de tornar o ensino da Rede Pública Municipal uma referência em qualidade. Na oportunidade, os participantes do curso, que acontece até às 17h na Faculdade de Tecnologia e Ciências (FTC), estão entendo a concepção do Programa Dinheiro Direto na Escola (PDDE), que deriva do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE).

Com carga horária de 52 horas à distância e 8 horas presenciais, este módulo visa atender não só os profissionais que atuam na educação básica, mas toda a comunidade. Para a secretária da Educação, Anorina Smith Lima, é importante que a comunidade escolar, tanto no âmbito dos alunos, pais, mães, bem como professores e demais funcionários estejam envolvidos no processo do controle desses recursos que chegam às unidades escolares.

A diretora do Departamento de Educação Básica, Elisângela Santos Messias, conta que, além de professores e profissionais da educação, pessoas ligadas às comunidades estão participando do curso de modo a ter conhecimento acerca dos assuntos que envolvem a gestão dos recursos públicos ligados à educação. Para Elisângela, os participantes irão se qualificar no que tange a gestão escolar, e essa evolução terá resultado direto na qualidade do ensino e na formação do aluno.

“A Secretaria da Educação vem tratando esse curso com total prioridade e com muita importância, principalmente pra quem está na gestão da unidade escolar, já que essa pessoa precisa compreender como gerir da forma mais transparente possível os recursos da escola, por se tratar de verba pública, e também para garantir que a comunidade escolar participe da gestão fiscalizando e propondo melhorias”, comenta Elisângela.

Participante do curso, a professora Silvia Lima, que atua na Rede Municipal e na Estadual, salienta que mesmo os professores que não participam da gestão propriamente dita precisa compreender quais são as vias de captação de recursos e como monitorá-los. “Precisamos participar para ter o entendimento de como os recursos podem ser aproveitados da melhor forma possível dentro da escola, justamente com esse objetivo de garantir uma educação básica de qualidade”, conclui.

Nenhum comentário: