TELEBAHIA, EXEMPLO DE DEDICAÇÃO NA RECICLAGEM EM ITABUNA

Não importando a condição do tempo, faça sol ou chuva, no Alto da Conquista em Itabuna, bairro Maria Pinheiro, na Travessa Central, o lixo é transformado em fonte de renda. É lá que trabalha o dedicado reciclador e homem simples, Sebastião de Jesus Rodrigues, mais conhecido como “Telebahia”, também, exemplo de homem para as universidades.

Com 20 anos residindo neste local, ele realiza o trabalho de reciclagem, uma vocação desde a sua infância, segundo ele, passada de pai para filho, pois seu pai já trabalhava com ferro velho, conhecido como “Felix do Ferro Velho”. Morador da rua São Francisco, bairro de Fátima, Félix Rodrigues hoje tem 63 anos e reside no Bairro do Malhado, em Ilhéus.  

A história de “Telebahia” é muito parecida com a de outros moradores de baixa renda de Itabuna e região. Por não ter concluído os estudos, desde menino sempre trabalhou para ajudar no sustento de sua família, um drama de milhares de cidadãos no Brasil. Depois de encarar diversas dificuldades e se aventurar em outros trabalhos, como serviços gerais na Prefeitura de Itabuna, “Telebahia” identificou a necessidade de limpar o meio ambiente e ao mesmo tempo ganhar dinheiro de forma honesta.

E assim ele resolveu ser reciclador. Se apaixonou pela profissão e, hoje, realiza a transformação do lixo em material reciclável. A partir daí a coleta seletiva virou sua missão de vida, contribuindo, também, com a retirada de resíduos do meio ambiente. Os governos municipais, estaduais e federal bem que deveriam pensar e dar incentivos, abraçando a causa destes guerreiros.

Muitos deles vivem no anonimato, o que não deveria acontecer porque eles prestam um serviço de grande importância limpando o meio ambiente e, consequentemente, colaborando com a saúde pública.  Com a palavra os nossos vereadores, prefeitos e deputados: “Muitos amigos me perguntam por que eu não tenho um trabalho formal, com carteira assinada. O motivo é simples: reciclagem é o que eu amo fazer”, disse Telebahia.

Tudo se reaproveita
No seu local de trabalho, papelões, plásticos (garrafas PET), vidros, alumínio, zinco, geladeira, televisão, fogões velhos, micro-ondas, ventiladores, computadores, baterias, latinhas, garrafas, tudo tem o seu destino, cada um em seu devido lugar. O resultado da venda desses produtos garante não só o seu sustento, como também reforça o orgulho de colaborar com a limpeza do meio ambiente. “Telebahia” aproveita para alertar a população para começar a separar os produtos em casa, “pois isso facilita a reciclagem do lixo, tanto para o gari como para o reciclador, evitando acidentes, como por exemplo, corte nas mãos ou nos pés, principalmente”.  

O material depois da coleta seletiva é repassado pelo reciclador Telebahia para terceiros que dão o destino final aos produtos. “Por Itabuna ainda não contar com uma Cooperativa de Recicladores, ainda temos que repassar para os atravessadores”, disse com muita revolta e tristeza. Você que tem esses produtos, ou seja, material reciclável e não usa mais, entre em contato pelo número 73 98861-6881, e fale com “Telebahia”. Ele recolhe o material em domicílio. “Reciclar: é cidade limpa e povo limpo”.

Nenhum comentário: