CADÊ OS LADRÕES?? CADÊ OS APARELHOS RESPIRATÓRIOS?

Quatro aparelhos respiratórios avaliados em mais R$ 200 mil reais foram furtados no Hospital de Base (HBLEM), no mês de março de 2014. Tudo começou quando um aparelho seria removido do PS para a CTI e o mesmo nunca chegou ao local. Foi Uma funcionária que percebeu que os aparelhos tinham sumido e que as portas do local estavam intactas. 

As pessoas que roubaram tinham acesso livre a todos os setores do hospital a qualquer hora do dia ou da noite. De acordo com a direção do hospital na época, o inquérito estava sendo concluído pela polícia civil e até hoje ficou no anonimato. A Polícia Federal deveria ser acionada para resolver o caso, mas infelizmente não se tratava de crime da alçada da mesma.

Na época a direção do hospital informou a Imprensa que foi determinado a instauração de um inquérito, que ficaria a cargo da delegacia de furtos e roubos. Os aparelhos roubados foram quatro aparelhos respiratórios, todos novos em perfeito estado. Os mesmos seriam usados para salvar vidas, mas os ladrões não pensaram desse jeito. A direção informou na época que também abriu uma sindicância interna para apurar os fatos. A partir desse acontecimento a direção do HBLEM tomou ciência através de outras divulgações da mídia sobre a existência de uma quadrilha especializada que tinha livre acesso dentro do hospital, completou, em nota, a direção do hospital na época.

Com todos esses acontecimentos o que nos chamam atenção, basta alguém ir até o Complexo Policial de Itabuna registrar um BO contra algum blogueiro, a intimação bate em sua porta logo em seguida. Mas se tratando de peixe graúdo as coisas mudam de figura. Os aparelhos respiratórios foram tombados e derrubados do Hospital de Base, debaixo do nariz do juiz, e, ele não deu penalty. Até hoje ninguém sabe, ninguém viu ou quem sabe não fala, infelizmente foi dado como causa perdida. 

Nenhum comentário: