PREFEITO ANUNCIA QUE ITABUNA TERÁ RESGATE CULTURAL DOS FESTEJOS JUNINOS

Ao considerar que Itabuna ficou oito anos sem Carnaval e a população precisa de momentos de lazer e alegria, o prefeito Fernando Gomes destacou os motivos que o levaram a decidir pela realização exitosa da folia momesca , que foi organizada em menos de 40 dias , “mostrando que quando a gente quer, consegue.”  Ele atribuiu o sucesso do Carnaval Antecipado, no período de 10 a 12 de fevereiro, considerado um dos mais tranquilos da história de Itabuna e atraiu um público de 150 mil pessoas segundo a PM, ao trabalho integrado entre o governo municipal, patrocinadores e a ação da Polícias Militar, Civil,  Rodoviárias Federal e Estadual, bem como do pessoal da prefeitura, limpeza urbana, além do apoio decisivo da imprensa e anunciou o resgate dos festejos juninos na cidade no período de 29 de junho a 2 de julho.

Lembrando que a festa carnavalescas teve um custo de R$ 600 mil compartilhados entre a prefeitura, que investiu cerca de R$ 224 mil, além do governo do estado que transferiu R$ 365 mil, dos quais R$ 300 mil repassados através da Bahiatursa e outros R$ 65 mil da Bahiagás. Também a inciativa privada participou da parceria, servindo como referência a Brasil Kirin, fabricante da Schin e da Devassa.

O prefeito fez uma retrospectiva da história do Carnaval Antecipado iniciado durante a sua gestão em 1982 e que serviu de referência para outras cidades do país. A estratégia da antecipação visava uma economia na contratação das bandas, cujo custo cresce durante o período do Carnaval Oficial. Ele lembra que na época o Banco Econômico entrou com uma ação na justiça contra a realização da festa.

Destacou as atrações como Babado Novo, com Mari Antunes e a Vingadora, além de outras oito bandas e artistas como o Lordão, Vera Cruz e Cacau com Leiite, bandas regionais de alto nível e que contribuíram para o sucesso da festa. Disse ainda que mesmo com a festa “tivemos três dias, graças à integração dos organismos de segurança que agiram com eficiência num trabalho preventivo.” Também pediu o apoio e participação da população num mutirão de combate à violência, “unidos somos fortes, mas divididos não seremos nada.

Nenhum comentário: