O CRIOULO PERDEU A CHANCE DE FICAR CALADO

O cara vai a uma coletiva de imprensa dentro de um gabinete com televisão e autoridades para fazer piadas e perguntas sem nexo.

Definitivamente nem todo mundo tem saco para piadinhas feitas em momentos inconvenientes por alguém que se diz jornalista. Alguns babacas inclusive, deixam de abordar temas realmente relevantes para o momento e preferem aproveitar o espaço para piadinhas e brincadeiras bobas e sem a menor graça. Foi o que aconteceu hoje na coletiva de Imprensa com o Prefeito e as autoridades. Um inconveniente fez uma pergunta fora do contexto, querendo chamar atenção e se aparecer como sempre acontece, quebrou a cara. Foi motivo de chacota tantos das autoridades presente como dos colegas de profissão.

Este “jornalista” já ultrapassado, acha que é engraçado fazer graça com pessoas no local errado e na hora errada, é legal ver os outros debochando dele, afinal, pra que respeitar um ser deplorável, intolerante, chato, inconveniente espirito de porco, sem o menor pudor? Se ele não respeita ninguém. Agora, quando recebe uma resposta séria e fica sem graça, acha que foi ridicularizado. Ridículo, é o inconveniente dentro de uma sala cheia de pessoas sérias, querendo notícias importantes, o camarada vai fazer uma gracinha? Quer fazer graça, vai no circo e entra no picadeiro. Ou se veste de “mãe de santo”.

O que podemos esperar de um elemento antipatizado por toda categoria? Babaca e sem o mínimo de educação. Quando não acha alguém pra brigar, ele briga com o espelho pensando em mim. Eu acho que esse elemento deve ter uma paixão recolhida por mim, ou quem sabe uma tesão retraída. Esse crioulo precisa tomar um banho de descarrego na umbanda de preto velho, pra ver se tira essa urucubaca dele. Porque as atitudes desse crioulo não é normal não, é coisa do além. 

Nenhum comentário: