NOTA PARA UM MENTECAPTA

É Lamentável, a pessoa ser um jornalista, “bacharel em direito”, mas não conhece e nem busca informações sobre o que é ser rejeitado e antipatizado pela maioria da classe.

Como formador de opinião, o referido jornalista deveria se preocupar com as consequências das suas palavras, que podem incitar pessoas a tomarem outras providências até mais rudes, inclusive com agressões à sua integridade física. Tem cabeça pra todo gosto e nem todo mundo tem a mesma paciência pra suportar ofensas morais vinda de um ser sem pudor e desmoralizado perante a classe.

Na verdade, as atividades desse profissional não se restringem meramente à prática de atos de comunicação a outra prática dele é provocar, se aparecer, chamar os holofotes pra ele sem respeitar ninguém.

É inaceitável que um profissional que atua em uma área tão importante, que leva informação aos indivíduos, possua uma postura tão apequenada com relação a uma profissão que merece todo respeito e valorização.

Não obstante, a sua opinião não será considerada como verdadeira pelas pessoas que conhecem a importância da profissão. Muitos ouvintes buscam informações em fontes verídicas para, então, tecer seus comentários.

A pessoa que se intitula como Bacharel em Direito, e ofende um senhor com a idade de 93 anos, tá pedido o que mesmo? A resposta: O filho desse senhor está na caça desse ser mentecapta, ignóbil e insano.

Solicitamos ao senhor jornalista que procure um Psiquiatria urgente, pois o referido está à beira de um colapso de loucura e a qualquer momento poderá ser internado em um hospital de loucos na capital do estado, porque o São Judas aqui, infelizmente não existe mais. 

Nenhum comentário: