ITABUNA REIVINDICA RECURSOS PARA SAÚDE E FORTALECIMENTO DO HOSPITAL DE BASE E MATERNIDADE DA MÃE POBRE

O prefeito Fernando Gomes considerou proveitosas as audiências que teve esta semana em Salvador, com o governador Rui Costa e com o secretário da Saúde do Estado da Bahia Fábio Vilas-Boas. Na agenda do encontro parcerias entre o governo municipal e o estado para a realização de obras consideradas essenciais para Itabuna, além de negociação de mais recursos para a área da Saúde. Uma prioridade é o Hospital de Base Luís Eduardo Magalhães, que tem uma dívida de mais de R$ 27 milhões e deve se habilitar para novos serviços de alta e média complexidade junto à Sesab.

O prefeito destaca que além de negociar a habilitação do Hblem, que funciona como unidade de referência para pacientes de 168 municípios do Sul e do Sudoeste baianos, para serviços de alta e média complexidade como hospital ortopédico e em serviços de nutrição enteral e parenteral do SUS. Também foi solicitada uma ambulância para a Upa tipo um do bairro Monte Cristo.

Para Fernando Gomes a reestruturação do Hospital de Base é uma prioridade para o governo municipal, porque a unidade estava sucateada e funcionando de forma precária, com excesso de pessoal, sem medicamentos e trabalhando com poucos recursos. Anunciou ainda que nos próximos dias será anunciado o nome do novo gestor de hospital e na próxima semana será realizada uma nova rodada de negociações entre representantes do governo municipal e da Sesab para formatação dos novos serviços.

Uma outra reivindicação que está sendo negociada com o governo do estado é com relação à Maternidade Ester Gomes, também conhecida como Maternidade da Mãe Pobre, que deverá ser habilitada junto ao SUS e através da Sesab, com leitos para a UTI Neonatal ampliado a oferta de serviços.

Nenhum comentário: