ENDERSON BRUNO: “A CIDADE ACREDITOU NA FORÇA DO JOVEM!”

O estudante de Direito Enderson Bruno dos Santos carrega, aos 23 anos, os anseios da juventude na política. Ele obteve 669 votos pelo PDT e representa o perfil do líder formado pela Igreja Católica. Guinho, como também é conhecido, tem entre suas bandeiras a luta contra a violência em Itabuna.
O que lhe levou a entrar na política partidária?
A necessidade de debates, projetos e ações de políticas públicas voltadas para a juventude. Percebendo que passamos por um grande problema, que é a violência, onde a maior vítima são os jovens, nada tem sido feito para compreender, quais as melhores ações que irão contribuir pra que a juventude saia dessa triste realidade. Com isso, me senti motivado a entrar na política e, junto com a juventude de nossa cidade, debater propostas que contribuam para a diminuição da violência que tanto nos assusta.

Na sua opinião, outros jovens devem participar mais da política? Por quê?
O jovem precisa estar inserido na política, pois sempre contribuímos para o desenvolvimento do nosso país. Desde as lutas contra a ditadura, a Juventude sempre se destaca nas reivindicações por um país melhor. Precisamos aumentar o número de jovens na política, que não se intimidam diante do desafio. A nossa cidade e o nosso país precisam sair desse sufoco, além de movimentar as ruas, precisamos movimentar a política, com ideias e ideais renovadores!

O PDT foi seu primeiro partido?
O PDT foi o meu primeiro partido, me identifiquei com a maneira de fazer política do Dr Mangabeira, presidente do partido, onde pude perceber que ainda existem pessoas boas na política, que trabalham de forma transparente, pensando no bem de toda a comunidade.

Por que foi escolhido vereador?
Acredito que devido ao meu trabalho voltado para a juventude católica, os jovens e familiares acreditaram que assim como contribuo para a transformação da igreja, posso ajudar para o desenvolvimento da nossa cidade. A cidade acreditou na força do jovem!

Qual o seu maior sonho na política?
Ser orgulho para o meu país na política, construir um novo olhar do povo brasileiro para a política nacional.

E como será a atuação na Câmara?
Na Câmara de Vereadores, estarei em constante fiscalização do Executivo, criando leis e medidas de providências que ajudem a comunidade. Ouvindo, debatendo, defendendo e sendo a voz do povo de Itabuna no Legislativo.

Qual o perfil do novo presidente da Casa? Algum candidato tem seu apoio?
O novo presidente deverá ser transparente em suas ações, ouvindo a todos os colegas e não agindo de maneira unilateral, pensando em si apenas. Precisa contribuir para que  Itabuna volte a crescer. Faço parte do grupo dos novos vereadores, onde dois são reeleitos, e o nome do presidente que apoiarei sairá deste grupo. (Do Diário Bahia)

Nenhum comentário: