AGORA, O “2º TURNO” EM ITABUNA

Dois meses depois, o prefeito eleito Fernando Gomes recebeu o aval para ser diplomado e, dia 1º de janeiro, tomar posse. Acabado o clima de indecisão em Itabuna, o foco passa a ser a eleição da mesa-diretora da Câmara, considerada como um segundo turno. O presidente da Casa já não terá a responsabilidade de ser prefeito interino, mas tem um considerável naco de poder. (Diário Bahia)

Nenhum comentário: