EX-DEPUTADOS BAIANOS FORAM DENUNCIADOS

A Procuradoria da República na 1ª Região denunciou 443 ex-deputados no caso da “Farra das Passagens” por uso indevido de dinheiro público. Os ex-parlamentares são acusados por peculato.

Na lista de ex-parlamentares denunciados, estão o secretário de Parcerias do governo Michel Temer, Moreira Franco, o prefeito de Salvador, ACM Neto, o ex-ministro Ciro Gomes, os ex-deputados Antonio Palocci e Eduardo Cunha. Vários ex-deputados baianos estão na lista, inclusive os sulbaianos Geraldo Simões e Roland Lavigne. Fábio Souto, Félix Mendonça, Joseph Bandeira, Pedro Irujo e Sérgio Carneiro, entre outros, também foram denunciados.

Em 2009, a revelação de que deputados e senadores usavam recursos do Congresso para pagar passagens para amigos e familiares viajarem no Brasil e no exterior ficou conhecida como “Farra das Passagens”.

Na época, o presidente da Câmara era Michel Temer (PMDB), hoje presidente da República. Os ex-parlamentares se tornarão réus se a Justiça aceitar a denúncia. Segundo o Congresso em Foco, as acusações contra os ex-deputados estão distribuídas em 52 denúncias do procurador Elton Ghersel. Caberá ao relator, o desembargador Olindo Menezes, do Tribunal Regional Federal da 1ª Região receber ou rejeitar a acusação do Ministério Público Federal. (Diário do Poder).

Um comentário:

Anônimo disse...

QUEM NAO TA NA LISTA SOU EU GRAÇAS A DEUS SOU HONESTO E POBRE MAIS TENHO HONRA MAIS TA FACIL NOS IRMOS PRESOS DO QUE ESSES MALEDITOS LADROES