DENUNCIA: SUPERFATURAMENTO EM PREGÃO PRESENCIAL DE GÁS GLP E ÁGUA MINERAL DE 20L DA FUNDAÇÃO MARIMBETA

Superfaturamento no pregão presencial nº 003/2016, publicado no diário oficial do município, na quinta-feira (28 de abril de 2016) 6 - Ano IV - nº 1542.

Sim, foi ganho em pregão presencial, com objetivo de menor preço, as empresas Minas Gás e a Do Porto. Resultado reconhecido pelo - Setor de Licitações, Acácia Gomes Pinho, Presidente da Fudação Marimbeta e por Sá Produtos Alimentícios e Hospitalares Comércio e Serviços LTDA - ME.

A fraude absurda [não reconhecendo que há fraude correta], mas é assim: quando você vai comprar o Gás GLP, nas mãos de um vendedor de botijão certamente, que você compra por aproximadamente R$ 45,00 a unidade, certo? E quando você deseja comprar água mineral, você certamente compra por aproximadamente R$ 6,00 a unidade, certo?

Bom, só que não, para o sistema corrupto da Fundação Marimbeta!

Na compra de cada botijão de gás GLP, a Fundação Marimbeta, conseguiu gastar R$ 20,00 a mais que o necessário, e R$ 2,20 a mais na água de 20 litros.

Sim caro leitor, em uma compra de 200 unidades de Gás GLP a Fundação Marimbeta, gastará aprovado por licitação de menor preço R$ 13 Mil Reais, quando deveria gastar se fosse pagar o mesmo preço que nós mortais, apenas R$ 9 Mil Reais. Podendo fazer uma economia nos cofres da Fundação Marimbeta de R$ 4 Mil Reais.

Já na água de 20 litros, o pedido é de 500 unidades de 20 litros, por R$ 8,20 a unidade, ficando o valor final de R$ 4 Mil e 100 reais. Se os responsáveis pela Fundação fossem responsáveis com o dinheiro público, conseguiriam fazer uma economia de R$ 1.100,00, se comprassem com o mesmo preço que nós mortais.

Mas, enquanto corruptos, e usurpadores do dinheiro público deitam e rolam, drenando cada gota de nosso sagrado dinheiro, os alunos da Fundação Marimbeta, passam fome. E vivem com os Sítios da Fundação Marimbeta sucateados. A exemplo disso, é o antigo Sítio de Mutuns, que foi desativado por falta de manutenção.

Neste sítio em especial, os irresponsáveis pela Fundação Marimbeta, destruíram tudo, do teto ao chão! Telhado foi retirado. Isso mesmo, retiraram as telhas e colocaram no chão. Nós temos denuncias, que os prestadores de serviço, e os servidores da Fundação Marimbeta, estão sem receber seus pagamentos, como diz respeito. 

Alem disso, tem assunto arrolando na justiça, com o tema de que, a Fundação Marimbeta, estar sem pagar o piso salarial dos servidores que fazem vigilância de lá. Eles fizeram o concurso publico para serem, Policiais Administrativos, e hoje fazem serviço de vigilante, porém, somente pagam para eles, de forma irregular, o equivalente ao serviço de portaria. (Aguardo o direito de resposta)

FLAGRANTE: HOMENS DESVIANDO PRODUTOS DO RESTAURANTE POPULAR DO FÁTIMA

Perguntar não ofende: Para qual lugar estavam levando, as várias caixas, que estavam no Restaurante Popular do Fátima?

Na imagem a seguir, que nos chegou como denuncia, tem homens tirando pela janela, do Restaurante Popular do Fátima - que está desativado - caixas que eram colocadas em um carro particular, de cor branca.

Sim, sim! Perguntar não ofende: Secretário de Assistência Social, Evandro Pereira dos Santos. O nobre Secretário tem alguma resposta para a retirada dessas caixas? Bom, segundo a denuncia, o cidadão que aparece sobre o carro branco, já foi um dia o Diretor deste Restaurante, porém ele foi demitido por desvios de dinheiro do outro Restaurante Popular do Centro.

Pois bem, fica agora com a palavra, o nobre Evandro, e o El Magnífico Vane. Pois o povo quer saber, também por quanto tempo estes Restaurantes ficarão fechados. Logo que, ambos são fonte de renda a mais para a Prefeitura?.

NOTA

Os Sindicalistas não querem que os trabalhadores voltem a trabalhar, e por isso prometem fazer nova confusão na porta da Prefeitura.

A verdade é que os trabalhadores já estão de saco cheio de ver os ‘vida mansa’ dos sindicalistas ligados ao PCdoB, A CUT e ao PSTU ficarem dificultando a vida deles.

Os funcionários da PMI dizem que o sindicato é fuleiro, e tudo não passa de manobras políticas.

Na verdade o sindicato fuleiro Sindserv, quer mesmo é promover algum pré-candidato a Vereador. 'De uma parte tem trabalhadores de verdade, e da outra, é comunista falando em democracia (desfaçatez)'…

CONSTRUTORA MALANDRA

Uma construtora bem conhecida da cidade driblou a todos da Prefeitura de Itabuna. A turma do alto escalão do governo não queriam mais que a construtora participasse das licitações, porque só ela vencia todas. Então o malandro deu um drible "ala Romário" na equipe e trocou o nome da empresa, participou da licitação venceu mais uma vez e já está recebendo. "TODO MUNDO É DIREITO MAS MEU CHAPÉU SUMIU"

VEREADOR GLEBÃO SOLICITA O RECONHECIMENTO DE UTILIDADE PÚBLICA À ONG CASA DO OBESO

O vereador Glebão (PV) protocolou na Secretaria Parlamentar, nesta quinta-feira, 28, um requerimento solicitando o reconhecimento de Utilidade Pública à Ong Casa do Obeso. Durante o pedido, o parlamentar esteve acompanhado da presidente da Ong, Marilea Ferreira, e da vice-tesoureira, Cristiane Muniz.

O Título de Utilidade Pública possibilita a contratualização de convênios e a captação de recursos públicos essenciais para o aprimoramento dos trabalhos da instituição. “Estamos muito felizes, pois há 7 anos vivemos no anonimato. Com a Ong, já operamos mais de 290 pessoas e ainda não somos reconhecidos. Nosso trabalho é pela cidade, voluntário e gratuito”, declarou Marilea.  

Funcionamento - A Ong Casa do Obeso funciona desde agosto de 2009, fazendo o encaminhamento de pacientes para cirurgias bariátricas realizadas pelo Sistema Único de Saúde (SUS). O cadastro ocorre por meio de reuniões feitas na primeira quarta-feira de cada mês no auditório da Faculdade de Tecnologia e Ciências (FTC), a partir das 19h. No local, a Ong realiza um pré-atendimento com o auxílio de uma equipe multidisciplinar composta por gastroenterologista, psicólogo, nutricionista, cardiologista, anestesista, entre outras especialidades médicas. Os pacientes que não podem ir até as reuniões são cadastrados por meio de atestado médico.

Após a realização do cadastro, a Ong encaminha os pacientes para uma lista de espera. Por mês, são realizadas cinco cirurgias intermediadas pela Casa do Obeso, que fica localizada na Rua José Coelho, bairro Santo Antônio.

Caso seja aprovado, o Título de Utilidade Pública representará mais um avanço para pacientes que lutam por cirurgias bariátricas pelo SUS em Itabuna. No ano passado, a cidade foi a única da Bahia a sediar o Mutirão Nacional de Cirurgia Bariátrica utilizando a técnica da videolaparoscopia. Com o evento, foram realizadas, em um único dia, 6 cirurgias. 

NOTA - EMASA

"A Emasa vem a público informar que na madrugada desta quinta feira, 28/04, a adutora de 550mm da captação Estação de Castelo Novo, para ETA, Itabuna, se rompeu na zona rural, na fazenda conhecida por Manoel Chinês. Por este motivo está havendo interrupção no abastecimento em toda a cidade de Itabuna, segundo a equipe técnica da Emasa que está trabalhando no local, as perspectivas da conclusão do serviço são para esta tarde, a noite o sistema de bombeamento será reiniciado. Pedimos desculpas pelos transtornos, e contamos com a compreensão de todos."

MUTIRÃO DE SAÚDE E CIDADANIA NO JARDIM AMÉRICA I NESTE SÁBADO

Moradores do conjunto habitacional Jardim América I, nas proximidades do bairro Nova Califórnia, terão serviços que serão oferecidos pela Prefeitura de Itabuna, por meio das secretarias municipais de Saúde e da Assistência Social no Mutirão de Saúde e Cidadania. No sábado, dia 30, a partir das 9 horas da manhã, juntamente Instituto de Desenvolvimento Cientifico Tecnológico e ambiental (IDETEC), vencedor de concorrência pública no âmbito dos projetos sociais do programa Minha Casa, Minha Vida do Governo federal. Até às 14 horas, a equipe da Saúde da Família do bairro Nova Califórnia levará alguns serviços para população como aferição de pressão arterial, palestras e orientações pela equipe de Educação em Saúde e do Centro e Referência, Assistência e Tratamento (CERPAT). A Secretaria da Assistência Social (SAS) vai executar algumas ações do Programa Bolsa Família e do Centro de Referência de Atendimento à Mulher (CRAM).


Já o IDETEC prestará assessoria jurídica e serviços odontológicos e de cabelereiros e manicures para a população. "A meta é atender o maior número de moradores possíveis. Para melhor organização o mutirão o instituto vai distribuir fichas para facilitar o atendimento", esclarece a assistente social da SAS, Carol Suzart.

FUNCIONÁRIA DA EMASA FOI SUSPENSA DE SUAS ATIVIDADES POR DENUNCIAR FALCATRUAS

Depois das graves denuncias que a funcionária Fernanda fez diante do Prefeito e dos diretores da Emasa, ela foi suspensa de suas atividades. Nesse governo é assim as pessoas tem que ficarem omissas as falcatruas existentes dentro dos setores de trabalho.

ALDENES MEIRA DESTACA A PERFURAÇÃO DE POÇOS ARTESIANOS NAS ZONAS URBANA E RURAL DE ITABUNA

Após o encaminhamento de um Pedido de Providências ao Poder Executivo do vereador Aldenes Meira (PCdoB), 13 poços artesianos serão perfurados nos bairros de Itabuna. Os recursos serão oriundos da Defesa Civil do Estado da Bahia e os estudos geológicos necessários, além da perfuração, serão de responsabilidade da Companhia de Engenharia Ambiental e Recursos Hídricos da Bahia (Cerb).

O parlamentar divulgou a informação durante a Sessão Ordinária dessa quarta-feira, 27. “Estive com o prefeito Claudevane Leite cobrando com relação ao Pedido de Providências e ele nos afirmou que disponibilizou dos recursos da Defesa Civil e fez o contrato com a Cerb para a perfuração dos poços artesianos no município. Esperamos que já nesta semana sejam realizados os estudos geológicos necessários para iniciar a perfuração”, certificou Aldenes.

O vereador, por meio dos Movimentos Sociais, também solicitou a perfuração de poços diretamente à Cerb para a zona rural de Itabuna. Após essa solicitação, três poços já foram implantados e ainda restam quatro para serem perfurados.  O objetivo do parlamentar é amenizar o sofrimento ocasionado à população do município em virtude do longo período de estiagem. Outras informações no site: www.aldenesmeira.com.br Ascom - Aldenes Meira (PCdoB)

DAVIDSON MAGALHÃES DEFENDE INTERNET ILIMITADA E PROPÕE DEBATE NO CONGRESSO

O deputado federal Davidson Magalhães (PCdoB-Ba) já conseguiu o apoio de todas as lideranças do Congresso Nacional para convocar uma Comissão Geral e debater o serviço de banda larga fixa no Brasil com a Anatel e setores de defesa do consumidor. O pedido será encaminhado à mesa da Câmara: “É preciso que nos mobilizemos para discutir e adotar medidas legais com urgência e evitar que as operadoras limitem o serviço e a liberdade de acesso à informação, como estão ameaçando”.

Ocorre que as operadoras do serviço de internet de banda larga fixa querem restringir a velocidade, suspender serviços ou cobrar excedente, caso seja ultrapassado os limites da franquia de uso deste serviço aos consumidores. Esta intenção foi anunciada no início deste mês, e sofreu fortes reações por parte de usuários, especialistas e autoridades.                
Para o deputado, “esta iniciativa é um desrespeito ao consumidor brasileiro, os contratos não podem ser objeto de alterações que venham de uma só parte, no caso, as operadoras. Não se pode mudar a regra do jogo no meio do campeonato”. Em seu discurso na Câmara afirmou que “a internet no Brasil é uma das mais lentas e caras do mundo e impor limites implica em cercear o acesso à informação e vai na contramão ao que está sendo feito no Brasil, na tentativa de universalização do acesso à internet. A internet significa acesso à informação, vital para o dia a dia das pessoas”.                                                          

Davidson Magalhães propõe debate com a Anatel e as entidades de defesa do consumidor, “para que possamos criar uma legislação que proíba que isso aconteça”. Considera que a estrutura de banda larga fixa brasileira “não suporta a demanda dos usuários devido à falta de investimentos de suporte das operadoras e o consumidor não pode ser o único e maior prejudicado”.                                                                                    

Diz ainda que a Anatel se manifestou a favor das operadoras na semana passada, voltou atrás, e proibiu as mudanças por 90 dias: “Isto não é suficiente para frear a ânsia das operadoras por mais lucro e prejudica sobretudo as camadas mais vulneráveis, as pessoas de regiões mais carentes, os estudantes, que usam a rede para o ensino à distância – ou para a educação em geral – e os pequenos empresários e trabalhadores”. (Vander Prata - Assessor de Imprensa)